IT Green | Inovação e Sustentabilidade

Menos Diesel, mais Paris para pedestres e ciclistas

  • Compartilhar:

 

Paris está buscando transportes alternativos ao automóvel para reduzir os impactos da poluição. Segundo a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, a ideia é retirar o diesel da capital francesa até 2020, visando trazer mais qualidade de vida e bem-estar aos parisienses.

 

Dentre as estratégias utilizadas estão a adoção de um sistema de aluguel de automóveis elétricos, o Autolib, e de bicicletas públicas, o Velib, além da implantação de Zonas 30 e Zonas de Encontro. Futuramente, mais precisamente em 2020, a Prefeitura também pretende probir a circulação dos automóveis movidos a diesel em toda a cidade, com exceção apenas para os fins de semana.

 

O projeto não se aplica somente aos veículos movidos a diesel. A proposta da Prefeitura de Paris pretende retirar os automóveis em geral das ruas da capital francesa, estimulando o pedestrianismo e o uso das bicicletas. De acordo com Hidalgo, foram investidos 100 milhões de euros para duplicar a quantidade de ciclovias e tornar viável o seu uso diário pelos moradores de Paris e arredores.

 

Se o plano for aprovado, serão estabelecidos certos incentivos econômicos para que os cidadãos que utilizam o automóvel para trabalhar possam fazê-lo sem contaminar a atmosfera. Por este motivo, considera-se que os comerciantes poderiam receber um incentivo econômico para financiar a troca do seu automóvel convencional por outro híbrido. Também poderiam trocar seu automóvel por créditos na Autolib.

 

Link: http://www.archdaily.com.br/br/759827/paris-livre-do-diesel-ate-2020?ad_content=759827&ad_medium=widget&ad_name=editors-choice

Foto: Mauro Parra-Miranda, via Wikimedia Commons

 

paris